Curta a Nossa
FANPAGE
REVISTA MERCOSUL
For Export
Visitas: 2.615.768 | Email: info@ccmercosul.org.br | Telefone: +55 (11) 5524-6370

FIQUE POR DENTRO


Presidente do Paraguai afirma ter Mercosul como prioridade

O presidente eleito do Paraguai, o rico empresário do tabaco Horacio Cartes, disse que sua prioridade quando assumir, no dia 15 de agosto, será resolver os assuntos pendentes que o Paraguai tem com o Mercosul, mas admitiu que tem interesse em aprofundar suas relações com a Aliança do Pacífico.

"Acredito que precisamos primeiro resolver os assuntos que temos pendentes com nossos vizinhos de bairro (o Mercosul, formado por Argentina, Brasil, Uruguai e Venezuela). Pertencemos a este bairro e não podemos mudar", disse Cartes à AFP, pouco antes de se submeter no domingo a um tratamento de infiltração por causa de uma hérnia de disco.

O chefe de Estado eleito no dia 21 de abril respondeu dessa forma quando questionado sobre a possibilidade de estabelecer um acordo de livre comércio com os Estados Unidos.

Fundador do Mercosul com a Argentina, Brasil e Uruguai após o acordo firmado na capital paraguaia no dia 26 de março de 1991, o Paraguai está suspenso por seus sócios desde 29 de junho de 2012.

Os presidentes Dilma Rousseff, Cristina Kirchner da Argentina e José Mujica do Uruguai suspenderam o Paraguai do bloco, em oposição à decisão do Congresso de destituir, por meio de um julgamento político, o ex-presidente Fernando Lugo.

Por outro lado, decidiram incluir a Venezuela, cuja entrada tinha sido rejeitada pelo parlamento paraguaio, que denunciava violações aos direitos humanos pelo governo de Hugo Chávez.
Câmara de Comércio do Mercosul e Américas
+55 (11) 5524-6370 | info@ccmercosul.org.br
Agência WebSide